Dutra é alvo de investigação por contratação de Instituto por R$ 11 milhões

Acostumado a fazer greve de fome, hoje, Domingos Dutra vive de filé e champanhe

Atual7 – A promotora de Justiça Gabriela Brandão da Costa Tavernard, titular da 1ª Promotoria de Justiça de Paço do Lumiar, abriu investigação para apurar possíveis irregularidades na contratação do Instituto Interamericano de Desenvolvimento Humano – Bem Brasil pelo Município, administrado pelo prefeito Domingos Dutra (PCdoB).

O inquérito civil foi instaurado no início neste mês, após conversão de notícia de fato. De imediato, o Parquet determinou a realização de diligências.

Segundo levantamento, o contrato foi celebrado por quatro secretarias municipais, por dispensa de licitação, na penúltima semana de fevereiro deste ano. O custo total aos cofres públicos foi de R$ 5.420.871,31 (cinco milhões, quatrocentos e vinte mil, oitocentos e setenta e um reais e trinta e um centavos), com vigência de 90 dias.

Dentre as contratantes está a pasta de Administração e Finanças, comandada por Neusilene Núbia Dutra, esposa do prefeito da cidade. As outras três são a de Educação, Desenvolvimento Social e Saúde.

Na segunda quinzena de maio, todos os contratos foram aditados, novamente por 90 dias. O valor, porém, subiu para R$ 5.907.022,13 (cinco milhões, novecentos e sete mil, vinte e dois reais e treze centavos). Com o aditivo, a fatura do Instituto Bem Brasil em Paço do Lumiar chega ao total de R$ 11.327.893,44 (onze milhões, trezentos e vinte e sete mil, oitocentos e noventa e três reais e quarenta e quatro centavos), em apenas seis meses.

A justificava para a contração emergencial, segundo a prefeitura, se deu pelo fim da vigência do contrato firmado entre a gestão passada e a Cooperativa Maranhense de Trabalho (Coopmar) — alvo de operação conjunta da Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU), Polícia Civil e do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), no final de 2016, por desvios de R$ 170 milhões.

No contrato assinado entre o Instituto Bem Brasil e as secretarias municipais de Paço do Lumiar, a terceirizada se comprometeu a fornecer mão-de-obra para ocupação de vagas de auxiliar de serviços-gerais, agente de portaria diurno e agente de portaria noturno, em caráter emergencial de execução, praticamente mesmo tipo de prestação de serviços que era exercida pela Coopmar.

Exatamente por essa coincidência, inclusive na contratação por dispensa de licitação, que a promotora Gabriela Tavernard resolveu iniciar as investigações contra a gestão municipal.

Núbia Dutra vai pagar quase R$ 1 milhão pra galpão guardar papeis da prefeitura de Paço.

A primeira-dama de Paço do Lumiar, Núbia Dutra, segue fazendo farra com o dinheiro publico. Sem nenhuma justificativa, Núbia contratou sem licitação, por R$ 721 mil reais, um galpão para guardar papeis da prefeitura.

A Arquivar, um galpão que guarda documentos, funciona no São Cristovão, em São Luís, e guardará oficialmente os documentos do município de Paço do Lumiar, e pelo serviço, receberá uma verdadeira fortuna.

A contratação é assinada pela secretária de Administração, Finanças, Fazenda e Articulação Governamental –, Neusilene Nubia Feitosa Dutra, a advogada Núbia Dutra. Mas, sabe-se lá por qual motivo, assinou apenas Núbia Feitosa no termo de ratificação, a Inexigibilidade publicada no Diário Oficial do último dia 05 de abril de 2017.

Imagem do Dia: Moradores escorraçam Nubia Dutra em Paço do Lumiar.

A primeira-dama foi escorraçada em mais um Protesto de Moradores ( nos últimos meses foram centenas de protestos de moradores revoltados com as mentiras plantadas por Núbia e seu marido, Domingos Dutra, que até agora, vive apenas de cliques, canções e poesias cantadas em reuniões da prefeitura, enquanto a população padece com a falta de serviços e péssima administração. )

Falta de autonomia faz Secretário de Cultura entregar cargo em Paço do Lumiar

Léo Barata, ex-vereador e ex-secretário de Cultura de Caxias, e agora, ex-Secretário de Cultura de Paço do Lumiar

O ex-Vereador e ex-Secretário de Cultura de Caxias, Léo Barata esperou apenas a poeira do carnaval de Paço do Lumiar baixar, para enfim, tirar das costas, o peso de carregar uma pasta sem ter nenhuma autonomia. Segundo amigos próximos do agora também ex-Secretário de Cultura de Paço do Lumiar, Barata era apenas um nome pra cumprir as exigências legais do cargo, que na prática, não mandava nada.

Blogs ligados politicamente à administração tentarão vender a idéia de que, o I Corso do Maiobão, que foi um verdadeiro fracasso, teria sido idéia de Barata. Com o pseudo culpado fora da administração, o problema estaria resolvido.

O real motivo que fez Barata pular do barco foi os muitos chefes que mandam e desmandam na gestão de Domingos Dutra, entre os mais fortes, estariam a primeira-dama, Núbia Feitosa, dona da idéia do I Corso, e o irmão de Márcio Jerry, Samuel Barroso.

De maneira madura, Barata evita falar sobre o assunto, mas reservadamente não poupa queixas, e diz que o São João não poderia ser realizado com essa desorganização.

A classe política espera agora, que com a saída de Barata, Domingos Dutra dê oportunidade para nomes conhecidos da cultura luminense, entre eles, Diego Ulisses, fundador da Cia. Dançata.

Em vídeo, primeira-dama de Paço do Lumiar pede que público use preservativo.

A primeira-dama de Paço do Lumiar, Núbia Dutra, gravou vídeo pro canal da Prefeitura no YouTube. Na mensagem, polêmica e inovadora como a própria Nubia sempre é, a primeira dama deseja um excelente carnaval, e faz três pedidos inusitados.

“Olá, eu sou Núbia Feitosa, e em nome do prefeito Domingos Dutra e de toda nossa família, queremos desejar a você, um excelente e saudável carnaval. Pedir a você, que use preservativo, que evite a violência, que traga a sua família, para curtir aqui no Viva, o nosso carnaval.” Disse Núbia em vídeo institucional.

Nubia também enfatizou o total apoio que vem recebendo do Governador do Estado, Flávio Dino, e concluiu.

“Aqui você não paga taxas, tudo é gratuito, tudo aqui é financiado pelo nosso Governo do Estado.”

Veja o vídeo na integra.

Núbia Feitosa reúne-se com representantes de Escolas Comunitárias em Paço do Lumiar

A secretária de administração e finanças do município de Paço do Lumiar, Núbia Feitosa,  junto com o secretário de educação, Fabio Rondon, receberam na última quinta-feira (9), representantes das escolas comunitárias do município. O encontro, realizado na sede da Secretaria de Educação, teve como pauta principal, discutir o termo de parceria entre a Prefeitura Municipal e as escolas.

Cerca de quinze representantes de escolas estiveram presentes na reunião, que criou uma comissão para dar seguimento na elaboração do termo de colaboração e convênio. O apoio da Prefeitura Municipal irá beneficiar cerca de 4 mil crianças, e foi tema de outra reunião onde também estiveram presentes representantes do Ministério Público.

A secretária municipal de Administração e Finanças, Núbia Feitosa, destacou a importância do diálogo e o papel das escolas comunitárias na garantia da Educação.

 “O prefeito Domingos Dutra tem absoluto respeito pelas escolas comunitárias que desenvolvem um trabalho sério e que muito contribuem na garantia da educação para as crianças da nossa cidade. A nossa política sempre será de transparência, responsabilidade no uso do dinheiro público e diálogo constante. Temos buscado oferecer todo o suporte possível para melhorar a situação funcional dessas instituições”, disse a secretária.

O encontro mostra uma nova fase entre Poder Público e instituições filantrópicas em Paço do Lumiar.